sexta-feira, 31 de julho de 2015

Encerrando a Série Uvas Tintas



Hoje encerramos a Série Uvas Tintas que divulgamos ao longo do mês de julho.


Veja aqui o resumos dos vinhos que falamos ao longo do mês de julho que ficam como sugestões para você conhecer aos pouquinhos cada um deles.







E vem aí...
No mês de agosto teremos a Série Uvas Brancas e em
Setembro o Especial Espumantes.



terça-feira, 28 de julho de 2015

Touriga Nacional - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas



















Dica de Vinho Touriga Nacional:
Vinho do Porto Ferreira Ruby


Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Barroca, Tinto Cão, Tinta Roriz e Tinta Amarela


Português – Esse é um clássico vinho do porto, coloração viva e aromas intensos de frutas vermelhas, notas de especiarias e carvalho. Em boca é suave com taninos macios e suaves.



Vai bem apreciado como aperitivo mas principalmente acompanhado de sobremesas que levem chocolate amargo.



Veja uma dica de Torta de Maça, perfeita para harmonizar com este vinho.

sábado, 25 de julho de 2015

Tampranillo - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas



















Dica de Vinho Tampranillo:



Beronia Crianza 2011

Tempranillo (83%), Garnacha (15%) e Mazuelo (2%)


Espanhol frutados, potente e taninos maduros. Tem notas de couro e frutas vermelhas bem pressentes.



Vai bem com pimentão recheado, carne de panela, quiches.






quinta-feira, 23 de julho de 2015

Syrah - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas




















Dica de Vinho Syrah:



Lagarde Syrah 2010


Argentino frutado, equilibrado e encorpado. Possui notas terrosas, de café e especiarias. Bons taninos e final agradável.


Vai bem com escondidinho de carne seca, lasanha a bolonhesa e panqueca de carne.


segunda-feira, 20 de julho de 2015

Tannat - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas

















Dica de Vinho Tannat:
Narbona Tannat Roble 2010


Uruguaio intenso, aromático e volumoso em boca e taninos muito presentes. Notas de especiarias, chocolate amargo e pimenta se fazem presentes no aroma.


Vai bem com costela suína, risoto de linguiça, ossobuco com polenta mole.

sábado, 18 de julho de 2015

Pinot Noir - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas


















Dica de Vinho Pinot Noir:

Louis Latour Bourgogne Cuvée Latour Rouge 2012


Frances muito delicado na boca, com leves notas de especiarias e muito refrescante.

Vai bem com entradas como bruschetta, filé mignon, atum e salmão grelhados.




quinta-feira, 16 de julho de 2015

Merlot - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas

















Dica de Vinho Merlot:

Miguel Torres Atrium – Merlot 2012

Espanhol bastante redondo e equilibrado na boca.


Vai bem com queijos maduros, lasanha e pizza.


segunda-feira, 13 de julho de 2015

Malbec - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas

 




Dica de Vinho Malbec:

Vineyards Malbec 2014


Argentino bastante aromático, lembra ameixa, baunilha e cereja. Bastante frutados e na boca é redondo e fresco.





Vai bem com carnes mais gordurosas como costela e cupim e também com canelone com molho de queijos.

sábado, 11 de julho de 2015

Grenache - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas

















Dica de Vinho Graneche:

Honorio Rubio Tremendus Tinto 2012


Espanhol estruturado e equilibrado, bons taninos e final persistente


Vai bem com pernil, carnes bastantes temperadas e massa com molhos mais encorpados como ragu.

Hamburger no sábado à noite

Delícia de sábado à noite, curtindo um bom vinho + Ufc + cozinha terapia...

Hambúrguer montado com cebola caramelada, mostarda com ervas de Provence e creme de ricota + salada de alface, agrião e tomate. Tudo caseiro, tudo com carinho, tudo mais leve💟.


Gente para o hambúrguer é super fácil:

  • 400g de patinho moído

  • Sal, noz moscada e pimenta branca a gosto .

Misture todos os ingredientes, molde com a mão, formando 4 bifes.

Embrulhe um a um em papel filme e deixe gelando por 1hora.


Grelhe em frigideira anti aderente.

Jogue mozarela ralada na hora ao femini de cada um deles. Então, ️monte seu hambúrguer.


Ah, a cebola caramelada já passei a receita aqui mas é basicamente 2 cebolas roxas pequenas, murche elas em manteiga e acrescente 1 colher de açúcar mascavo e deixe até caramelizar.

quarta-feira, 8 de julho de 2015

Gammay - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas


















Dica de Vinho Gammay:

Miolo Safra 2013


Elaborado na região da campanha gaúcha, esse vinho é uma homenagem da vinícola Miolo a obra de Tarsila do Amaral (Abaporu).


De estrutura leve e bastante equilibrado no paladar. Fica muito agradável se bebido em temperatura um pouco mais baixa que os tintos em geral pois é bastante fresco e baixos taninos.









Vai bem com acompanhado de saladas, peixes e aves.

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Carménere - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas



















Dica de Vinho Carménere:

Santa Helena Reserva Carménere 2013

Chileno frutado, com notas de chocolate e especiarias, macio de paladar envolvente.

Vai bem com picadinho de carne e queijos e refogado de legumes.

domingo, 5 de julho de 2015

Frango empanado com especiarias ao forno

Sabe aquele frango frito, bem crocante que morremos de culpa quando comemos?

Pois esta é a minha versão do frango empanado zero culpa! Ele fica tão crocante quanto o tradicional mas quase zero adição de gordura.





Ingredientes:
  • 4 sobrecoxas de frango sem pele 
  • 1 colher (sobremesa) de canela em pó 
  • 1 colher (sobremesa) de noz moscada 
  • 1 colher (sobremesa) de gengibre picado 
  • 1 colher (sobremesa) de cury em pó 
  • 1 colher (café) de pimenta calabresa 
  • Suco de 1 limão 
  • 2 dentes de alho amassados 
  • Sal a gosto 
  • 2 colheres (sopa) de óleo para dourar o frango 
  • Farinha de rosca para empanar 
  • 2 ovos batidos ligeiramente com 100ml de leite e cebolinha verde picada. 
Tempere os frangos e deixe marinar por pelo menos 1 hora.


Em uma frigideira grande (que caiba as 4 sobrecoxas juntas) e, de preferência, própria para ir ao forno (cabo de inox), aqueça o óleo.

Empane os frangos: passe na farinha de rosca, no ovo batido com leite e novamente na farinha. Faça isso com todos e só então distribua todos na frigideira. Baixe o fogo e deixe até que forme uma crosta em baixo, então vire todos.

Em forno pré-aquecido a 180 graus, leve os frangos para assar por aproximadamente 50 minutos, ou até que esteja cozidos no meio (passe a faca no centro de um deles para testar, não sirva frango cru, de jeito nenhum).


Provavelmente irá sobrar os ovos batidos que você usará para empanar. Então, para o acompanhamento eu fiz:


Tiras de pimentão vermelho e abobrinha (use outro legume como cenoura, se tiver), refoguei até murcharem (sempre por último a abobrinha pois por tem muita água, cozinha rápido). Em seguida, joguei o restante dos ovos por cima, coloquei uma fatia de mozarela e tampei a frigideira.


Servi também um repolho cortado em tirinhas e um pouco de alface.

Claro, você pode preparar um bom arroz como acompanhamento também ou até um purê de batatas.

Servi com um Cabernet Sauvignon Australiano, o Fish Eye: é muito aromático, frutado e bom corpo. Não é tão forte e persistente como a maioria dos Cabernet, por isso vai muito bem com esse frango.

Gnocchi de Ricota e Espinafre ao Molho Sugo




Essa é a comida italiana sem culpa e ainda super nutritiva!


Essa é minha versão que substitui o famoso gnocchi, como se fala em italiano, ou o tão conhecido: nhoque da Mama!!!

A receita vai sim um pouco de farinha de trigo (podendo ser substituída pela farinha de arroz, para o intolerantes ao glúten) mas os principais ingredientes são a ricota, seguida pelo espinafre. Nhammm, até a Mama adora!

Inicie colocando água para ferver com azeite em uma panela grande.

Depois prepare um belo molho sugo:


Ingredientes:

1 colher (sopa) de azeite
1 dente de alho picado
1 cebola pequena
3 tomates sem pele 
1/2 caixinha de tomate grape (gosto de usar os dois tipos de tomate para um contraste de sabores)
sal a gosto


Preparo:
No óleo quente, doure as cebolas e quando começarem a ficar transparente, junte o alho e depois de dourar, junte os tomates, os tomates grape e tempere. Ferva até atingir a consistência desejada, se quiser um molho mais fino, coe (para essa prato, uso sem coar). Reserve.


Ingredientes Gnocchi:


1 pacote de ricota de boa qualidade 
1 maço de espinafre cozido e picado
folhas de espinafre para finalizar o prato
1 dente de alho amassado
1 cebola pequena cortada em cubos pequenos
100g de farinha de trigo
100g de queijo parmesão ralado na hora
2 gemas de ovo
sal a gosto
pimenta branca a gosto
noz moscada a gosto 


Preparo:
Salteie o espinafre em um fio de óleo, junte a cebola e o alho.
Em um um recipiente, esfarele a ricota, junte o espinafre, o queijo ralado, as gemas e tempere com a noz moscada, sal e pimenta. Amasse tudo e forme bolinhas, coloque uma a uma na panela com água fervente (importante: a água deve estar iniciando as borbulhas, não mais que isso pois isso poderá fazer com que as bolinhas desmanchem).

Quando as bolinhas subirem a superfície (cerca de 1,5min), retire. Sirva o prato com o gnocchi, regue com o molho ao sugo e finalize com parmesão ralado e decore com algumas folhas cruas de espinafre. 



sexta-feira, 3 de julho de 2015

Cabernet Franc - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas

















Dica de Vinho Cabernet Franc :

Lugar Dal Pizzol Cabernet Franc 2014


Da serra gaúcha, corpo médio, aromas intensos com traços florais.

Vai bem com aves assadas, grelhados e risotos.


quinta-feira, 2 de julho de 2015

Creme de Ervilha Light com Crispy de Bacon























Chega o inverno e gente quer muito saborear um bom sopão ou um bom creme de legumes.


O problema dos inocentes creminhos é que para eles ficarem com uma boa textura, geralmente levam leite ou creme de leite.


Vou ensinar pra vocês um creme ultra leve de ervilha, que ficará cremoso sem levar qualquer leite ou amido de milho. Aí claro, com esse leveza toda, justifica ate um crispy de bacon, certo?!


O segredo todo para o creme de ervilha ficar com boa consistência e não ficar com sabor aguardo, vai ser no tanto de água que você usará para liquidificar ela.

Ingredientes:
2 tiras de bacon cortadas em cubinhos
1 pacote de ervilha seca
1 litro de água
1 cebola cortada em pedaços bem pequenos
2 dentes de alho
Sal e pimenta a gosto


Preparo:
Deixe a ervilha de molho ou de um dia para outro ou pelo menos por 1 hora.


Escorra e leve para cozinhar em 1 litro de água ate que amoleçam, aproximadamente 40 minutos.


Em uma panela, frite os cubinhos na própria gordura ate que fiquem bem crocantes.

Retire da panela e reserve. Descarte a gordura que sobrou e descarte sem dó pois você só quer o sabor do bacon mas não quer a gordura dele prejudicando sua saúde, certo?!


Com o restinho de óleo que sobrou na panela, prepare o tempero do creme de ervilha, levando as cebolas e depois o alho ate dourarem. Reserve.



Agora, o segredo para a sopa ficar cremosa sem levar leite:


Em conchas, vá tirando as ervilhas da panela ainda com a água e vá levando ao liquidificador. Liquidifique a acerte a textura com a água da panela.


Atenção: você não vai usar toda a água, vai apenas usar para acertar a textura cremosa.

Feito isso, leve o liquido a panela com a cebola e alho fritos, adicione sal e pimenta a gosto e cozinhe até a fervura.


No prato, sirva com os crispys de bacon por cima. Abra um vinho e aproveite!

Pudim de leite em pó com calda de frutas vermelhas





Esse doce é chamado de pudim só pela forma do cozimento pois sinceramente não é nada parecido com aquele tradicional de leite condensado. Mas ele tem um gostinho de infância, pois o sabor de leite em pó é inesquecível..


Aqui em casa, não usamos açúcar branco em nada, usamos muito o mascavo, demerara ou adoçante forno e fogão, depende do objetivo da receita. Nessa aqui tanto faz a sua escolha mas eu usei o adoçante forno e fogão, as medidas são equivalentes ao açúcar, ou seja, 1 colher de açúcar = 1 colher de adoçante 


Ele é mais leve justamente por não ser feito com leite condensado e a calda não é caramelo, o que torna tudo livre de culpa e cheio de sabor.


Vamos a receita:

3 xicaras (chá) de leite em pó desnatado 
3 colheres (sopa) de adoçante forno e fogão 
3 xicaras (chá) de água filtrada 
5 ovos 
Óleo para untar a forma 

Calda quente: 
1 bandeja de morango 
1 colher de sopa de adoçante forno e fogão 
Suco de ½ limão 

Preparo pudim:

Bata todos os ingredientes no liquidificador e distribua na forma de pudim já untada e tampe. Leve para assar no forno, em banho maria, por maios ou menos 1 hora ou ate que a massa esteja firme. 

Leve para gelar por no mínimo 3 horas ou de um dia para o outro.


Preparo calda:


Prepare na hora de servir: leve ao fogo todos os ingredientes em fogo baixo e deixe cozinhar até engrossar e formar ponto de calda.


Sirva uma colherada de calda quente com cada fatia do pudim, delicia de mais!!!!


quarta-feira, 1 de julho de 2015

Cabernet Sauvignon - Série Uvas Viníferas/Uvas Tintas



Amigos, como prometido, inicia hoje a nossa Série Uvas Viníferas e nesse mês de julho falaremos sobre as uvas tintas mais encontradas no mercado.  


Teremos publicações a cada dois ou três dias, falando sobre as principais uvas e também dicas de vinho de cada uma delas. 

Em agosto falaremos sobre as uvas brancas e setembro especial espumantes. 





















Dica de Vinho Cabernet Sauvignon:
Tarapacá Cosecha Cabernet Sauvignon 2014

Chileno jovem, fresco e de médio corpo. 
Vai bem com churrasco, pizza, macarronada.